Farmácias | Apoio ao cliente: 800 200 891 (de 2ª f a 6ª f das 09h00 às 18h00) | pesquisa Pesquisar

Características

Dia Mundial da Diabetes – 14 de Novembro

Sabem porque se comemora o Dia Mundial da Diabetes a 14 de Novembro?

Então aqui fica um pouco de história…

A descoberta e desenvolvimento de insulina como tratamento médico remonta ao século XIX. A investigação sobre o desenvolvimento da insulina tem levado os cientistas a dar passos significativos para a compreensão da biologia humana, tendo sido concedidos vários prémios Nobel na investigação desta hormona, a hormona da vida.

Descrevemos em anos os principais acontecimentos na investigação:

1869: Paul Langerhans, um estudante de medicina em Berlim, descobre uma coleção distinta de células dentro do pâncreas. Estas células mais tarde chamar-se-iam ilhéus de Langerhans.

1889: Oscar Minkowski e Joseph von Mering removem o pâncreas de um cão para estudar os efeitos na digestão. É encontrado açúcar na urina, percebendo-se isso devido à presença de moscas que se alimentaram dessa urina.

1901: Eugene Opie descobre que os ilhéus de Langerhans produzem insulina e que a destruição destas células resulta no diagnóstico de diabetes

1916: Professor romeno, Nicolae Paulescu, desenvolve um extrato do pâncreas e mostra que reduz o açúcar no sangue em cães com diabetes. A I Guerra Mundial impede-o de publicar as suas descobertas, e só o faz em 1921.

1921: Em Toronto, Canadá, o Dr. Frederick Banting e o estudante de medicina Charles Best realizam investigações sobre o pâncreas dos cães. O Professor John Macleod disponibiliza um laboratório para a investigação de Banting e Best. O pâncreas de um cão foi removido, e passou a ter sintomas de diabetes. O pâncreas foi cortado e moído num extrato injetável e foi injetado no cão algumas vezes por dia, tendo ajudado o cão a recuperar a sua saúde. Dado o sucesso precoce, Macleod queria ver mais evidências de como funcionava o procedimento e estudou pâncreas de vacas para fazer o extrato injectável que foi chamado de “insulina”.

1922: Leonard Thompson, um menino de 14 anos, é a primeira pessoa com diabetes tipo 1 a quem é dada a primeira administração médica de insulina. Anteriormente, pacientes com diabetes tipo 1 eram o tratamento baseava-se em dietas de fome e tinham apenas alguns meses de vida. Leonard viveu mais de 13 anos, tendo vindo a falecer de pneumonia.

1922: Com a notícia do sucesso de insulina a propagar-se, Banting e Best começaram a receber cartas com pedidos de ajuda para outras pessoas com diabetes tipo 1. Banting e Best melhoraram as suas técnicas para a produção de insulina e Eli Lilly tornou-se então o primeiro fabricante de insulina.

1923: Banting e Macleod são premiados com o Prémio Nobel de Fisiologia ou Medicina. Banting e Macleod, no entanto, quiserem partilhar o prémio e o mérito com os seus colegas Better e Collip.

1936: Hans Christian Hagedorn descobre que a ação da insulina pode ser prolongada com a adição de protamina.

1950: NPH, uma insulina de ação intermédia, é comercializada pela primeira vez pela empresa dinamarquesa Novo Nordisk.

1955: A insulina é sequenciada por Frederick Sanger, e é a primeira proteína a ser totalmente sequenciada. Em 1958 Sanger recebe o Prémio Nobel de Química pela sua pesquisa nesta área.

1963: A insulina torna-se a primeira proteína humana a ser sintetizada quimicamente.

1978: A insulina é então a primeira proteína humana a ser fabricada por meio de biotecnologia, utilizando bactérias para fazer crescer a proteína insulina, por uma empresa chamada Genentech.

1982: A insulina sintética é chamada de “insulina humana” marcando-a como distinta da insulina derivada de animais. A insulina humana tem a vantagem de ser menos susceptível a reações alérgicas que a insulina animal. A Humulin, fabricada pela Eli Lilly, torna-se amplamente disponível através dos anos 1980.

1996: A Eli Lilly comercializa o análogo de insulina “lispro” sob o nome comercial Humalog. O análogo de insulina é uma forma geneticamente modificada de insulina em que a sequência de aminoácidos é alterado para alterar a forma como a insulina é absorvida, distribuída, metabolizada e excretada no organismo.

É a data de nascimento de Frederick Banting que descobriu a insulina em 1921, juntamente com Charles Best.

Perante a crescente prevalência da Diabetes no mundo, o Dia Mundial da Diabetes foi adotado em 2006 pelas Nações Unidas no âmbito do movimento Unidos pela Diabetes, que foi instituído pela International Diabetes Federation (IDF) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Diabetes tem como símbolo o círculo azul. O círculo significa a união dos povos em torno da doença, e a cor azul, a cor do céu e da bandeira das Nações Unidas. Lê mais aqui: www.idf.org/bluecircle

Blue Circle

Uma das ações desenvolvidas neste dia em todo o mundo é a iluminação a azul de monumentos simbólicos de várias cidades. Este ano teremos alguns monumentos a azul em Lisboa e outras cidades de Portugal. Estejam atentos e tirem fotografias para nos enviar!

Evidenciar a diabetes no mês de Novembro tem como objetivo travar a epidemia que a diabetes se tem revelado ao longo das últimas décadas. A diabetes tipo 2 é uma doença  que pode ser prevenida ou retardada através de hábitos de vida saudável ao longo dos anos e cujas complicações podem ser evitadas se o tratamento for adequado e se o diagnóstico for realizado atempadamente. Relativamente à diabetes tipo 1, pretende-se a garantia de acesso aos cuidados de saúde e ao tratamento a todos em todo o mundo de forma equitativa.

Junta-te ao NJA e à APDP nos eventos deste ano. Contacta-nos e acompanha-nos através de: www.facebook.com/NucleoJovemApdp ou This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Partilha os eventos em que estás envolvido e as fotos dos monumentos azuis da tua cidade aqui: www.idf.org/wdd-index/

 

Dia Mundial da Diabetes - Praça do Rossio   Dia Mundial da Diabetes - Teatro D. Maria   Dia Mundial da Diabetes - Largada de Balões no Rossio

 


 AUTORA:Alexandra CostaAlexandra Costa, DT1 – Coordenadora do NJA (Núcleo Jovem da APDP)

 

Pesquisa Pesquisar

Aviso de privacidade

A sua privacidade é importante para nós. Actualizamos a nossa Politica de Privacidade de acordo com o novo Regulamento Geral de proteção de dados da EU.
Veja a Politica de Privacidade aqui.